terça-feira, 18 de julho de 2017

Camerata viaja para apresentações em festivais





O coro e a orquestra da Camerata Antiqua de Curitiba viajam nesta semana para participações nos Festivais de Inverno de Antonina e de Campos do Jordão. O Coro da Camerata se apresenta na quarta-feira (19), às 20h, na histórica Igreja São Benedito, em Antonina, dentro da programação do 27º Festival de Inverno da UFPR. A Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba faz duas apresentações, na quinta e sexta-feira (20 e 21), na capital paulista e na cidade de Campos do Jordão, a convite do festival, um dos mais tradicionais eventos musicais do país.
Em Antonina, o Coro da Camerata estará sob a regência da maestrina e diretora musical Mara Campos. No programa estão obras de compositores de diversos períodos e estilos, como Tom Jobim, João Bosco, Osvaldo Lacerda, Mozart Camargo Guarnieri, entre outros. “O que predomina no programa é a temática sacra e espiritualizada. Apesar das obras serem variadas, elas têm um fio condutor. A sonoridade varia entre composições singelas e delicadas e também muito aprimoradas, e outras com uma expressão mais forte e expansiva”, comenta a regente. A entrada é gratuita.
Turnê paulista – Com regência do maestro Luís Otávio Santos, a Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba se apresenta na quinta-feira (20), na conceituada Sala São Paulo, um dos mais importantes espaços de concerto do país. Na sexta-feira (21), a orquestra estará em Campos do Jordão para um concerto na Igreja Santa Terezinha. No programa estão obras que demonstram o virtuosismo e a excelência do grupo, e resgatam compositores barrocos pouco conhecidos, como Georg Muffat, Francesco Geminiani e Jean-Marie Leclair.
“A música barroca tem duas estéticas predominantes, a italiana e a francesa. Para esse programa, foram definidos os compositores base de cada universo”, explica Luís Otávio. “São compositores pouco conhecidos, mas que ajudaram a fundamentar e a criar a linguagem do barroco. Escolhemos um repertório para mostrar bem o universo eloquente e bastante amplo, com todas as invenções que foram a marca desse período”, reforça o regente.
Divulgação – O violinista e coordenador da Orquestra de Câmara, Francisco Freitas Jr. avalia que a turnê se insere numa fase áurea da Camerata. “Essas viagens contribuem para fortalecer a nossa identidade e divulgar nosso trabalho”, avalia Freitas.
O desafio e a responsabilidade de tocar em outros espaços e cidades foram destacados por Janete Andrade, coordenadora erudita do Instituto Curitiba de Arte e Cultura. “Esses convites mostram o reconhecimento artístico do grupo. Tocar em um festival como o de Campos do Jordão e na Sala São Paulo, que é a meca da música erudita no país, tem um grande peso”, frisa Janete.

Serviço:

Festival de Inverno da UFPR em Antonina
Coro da Camerata Antiqua de Curitiba
Regência: Mara Campos
Dia 19 de julho, às 20h
Local: Igreja São Benedito (entrada franca) – Antonina (PR)

Festival de Inverno de Campos do Jordão
Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba
Regência: Luís Otávio Santos
Dia 20 de julho, às 20h30
Local: Sala São Paulo – Centro Cultural Júlio Prestes (ingressos a R$ 25) – São Paulo (SP)
Dia 21 de julho, às 17h30
Local: Igreja Santa Terezinha (entrada franca) – Campos do Jordão (SP)

Nenhum comentário:

Postar um comentário