quarta-feira, 10 de maio de 2017

“Loki?”, de Arnaldo Baptista, volta às lojas em vinil pela Polysom






Um gênio da música, Arnaldo Baptista vem deixando sua marca na história da cultura nacional e é referência para todas as gerações desde os anos 60, quando fundou Os Mutantes ao lado de seu irmão, Sérgio Baptista, e de Rita Lee. Em 1974, lançou seu primeiro álbum solo, “Loki?”, considerado até hoje um dos mais importantes da discografia brasileira. A partir da segunda quinzena de maio, “Loki?” volta às lojas pela coleção 'Clássicos em Vinil', da Polysom, em vinil de 180 gramas.

O álbum foi gravado no Estúdio Eldorado (São Paulo), com direção de produção de Roberto Menescal e Mazzola. As 10 faixas são assinadas por Arnaldo, com exceção de “Uma Pessoa Só”, em parceria com Os Mutantes. Arnaldo canta e toca piano no álbum, que traz ainda arranjos do maestro Rogério Duprat em duas canções. Acompanharam Arnaldo nas gravações grandes músicos como Dinho (bateria), Liminha (baixo) e Sergio Kaffa (baixo). Um disco indispensável, “feito para ouvir em alto volume”, como diz a nota em sua contracapa.

Além de “Loki?”, a Polysom preparou outra novidade para os fãs dos Mutantes. Os sete discos que eram vendidos apenas na caixa “Os Mutantes – Box Deluxe” agora podem ser adquiridos separadamente. São eles: “Os Mutantes” (1968), “Mutantes” (1969), “A Divina Comédia ou Ando Meio Desligado” (1970), “Jardim Elétrico” (1971), “Mutantes e Seus Cometas no País do Baurets” (1972), “Tecnicolor” (1999) e “Mande um Abraço pra Velha” (2014).

Seguem anexos o release do disco, escrito por Jotabê Medeiros, e a biografia cronológica de Arnaldo Baptista.

Mais informações: https://www.lojapolysom.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário