quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Conservatório de MPB recebe doação de instrumentos musicais




O Conservatório de MPB de Curitiba recebeu nesta semana doação de instrumentos musicais e equipamentos de som. Dentre os materiais recebidos por empresa local, que solicitou não ser identificada, estão duas baterias, caixa para baixo, cabeçotes, projetor, amplificador de guitarra, estante para partitura e dois pianos digitais. A Capela Santa Maria também foi agraciada com uma marimba, xilofone e um órgão artesanal.

Para Marino Galvão Junior, presidente do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (ICAC), órgão que administra os espaços, os instrumentos garantem projetos mais qualificados. “O investimento realizado interfere diretamente nas aulas e no trabalho dos grupos do CMPB que terão à disposição equipamentos de ponta para as apresentações. Já a Capela Santa Maria passa a contar com instrumentos de música erudita que auxiliam tanto na programação da Camerata quanto na realização da Oficina de Música", afirma Galvão.

Melhorias
Além das doações, o Conservatório de MPB tem recebido mudanças para assegurar a qualidade nas aulas e conservação do espaço. Para Sandra Dias, coordenadora da instituição, a reorganização das salas de aula foi um dos passos importantes nesse semestre. “Adequamos o espaço para receber mais alunos, ofertar mais cursos e dar a atenção necessária para cada instrumento”, explica Sandra.
A fonoteca e a biblioteca ganharam um espaço privilegiado na readequação das salas, o que trouxe mais facilidade aos alunos que procuram no espaço apoio para o estudo. “Agora oferecemos a partitura e o áudio juntos, para um estudo mais completo”, conta Cleucio Polato, responsável pela união do espaço.
“As mudanças foram fantásticas. O espaço do Solar dos Guimarães também passou a ser usado para ações de novos projetos e cursos, trazendo aos alunos novos métodos e informações na área”, conta Vina Lacerda, professor de percussão da instituição.

Outros pontos de destaque são a contratação de segurança para o apoio aos grupos Brasileiro e Brasileirinho, a substituição das tomadas, readequação e manutenção do sistema de alarme, substituição das lâmpadas por LED, entre outros.
Segundo Galvão, o Conservatório tem uma importância histórica para cidade e sempre precisa de ajustes para continuar sendo referência. “Trabalhamos para seguir avançando e oferecer mais qualidade no serviço e atendimento ao cidadão”, conclui.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário