quarta-feira, 9 de setembro de 2015

VIOLINISTA CLÁUDIO CRUZ APRESENTA OBRAS DE COMPOSITOR MINEIRO NA CAIXA CULTURAL CURITIBA





Influenciado por folclore de Minas Gerais, repertório de Flausino Vale ganha recital do músico brasileiro no dia 15 de setembro

A CAIXA Cultural Curitiba apresenta, no dia 15 de setembro (terça-feira), um recital de violino com o músico Cláudio Cruz. A apresentação, que faz parte da programação da Série Solo Música, terá um programa inteiramente dedicado ao compositor mineiro Flausino Vale.

Cláudio Cruz interpreta Flausino com amplo conhecimento de causa. Por sua excelência como violinista, foi procurado pela jornalista e musicóloga Camila Frésca para gravar um álbum com a obra integral para violino solo do compositor: os 26 Prelúdios Característicos e Concertantes para Violino Só.

Até então, os registros de sua obra para violino eram raros. O disco de Claúdio Cruz foi gravado em 2010 e recebeu no ano seguinte o Prêmio da Revista Bravo de Melhor CD Erudito. O violinista apresentou alguns prelúdios em recitais, mas nunca a obra integral, como ocorrerá no Solo Música.

“É um recital raro pela obra, que é desconhecida mesmo da maioria dos violinistas brasileiros. Em Curitiba, nunca foi apresentada integralmente”, diz Alvaro Collaço, produtor curador do Solo Música.

Nascido em Barbacena, Minas Gerais, em 1894 e falecido em Belo Horizonte, em 1954, Flausino Vale foi compositor, instrumentista, professor e poeta. Era amigo de Vila-Lobos, que o chamava de “o Paganini brasileiro”. Intuitivo, Flausino explorou em sua obra diferentes técnicas de violino, influenciado por Paganini e pelo folclore de Minas Gerais. Flausino descreve nos Prelúdios a natureza, a vida e as festas nas fazendas e nas pequenas cidades do interior.

Virtuose
Um dos mais brilhantes violinistas brasileiros de sua geração, Cláudio Cruz iniciou-se na música com seu pai, o luthier João Cruz. Vencedor de diversos concursos no Brasil, recebeu prêmios da Associação Paulista dos Críticos de Arte (1985 e 1997) e o Prêmio Carlos Gomes (2002 e 2006).

De 1990 a 2012, foi spalla da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo. Foi primeiro violino do Quarteto Amazônia e, por dez anos, diretor musical da Orquestra de Câmara Villa-Lobos. Em 1991, estreou na Europa como solista da Kammerorchester Berlin e, desde então, tem sido convidado a atuar naquele continente, bem como nos Estados Unidos, América Latina e Japão.

Como maestro, apresentou-se frente a importantes orquestras brasileiras. No exterior, regeu a Symphony of the Americas (EUA), a Metropole Orkest (Holanda), a Orquestra de Câmara de Osaka (Japão), e a Sinfônica de Avignon (França), entre outras. Desde 2005 dirige a Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto. É o primeiro violino do Quarteto Carlos Gomes e diretor de música erudita da Oficina de Música de Curitiba.


Serviço:
Música: Série Solo Música apresenta Cláudio Cruz (violino)
Local: CAIXA Cultural Curitiba - Rua Conselheiro Laurindo, 280, Centro – Curitiba (PR)
Data: 15 de setembro de 2015 (terça-feira)
Hora: 20h
Ingressos: vendas a partir de 12 de setembro (sábado). R$ 10 e R$ 5 (meia - conforme legislação e correntistas que pagarem com cartão de débito CAIXA. A compra pode ser feita com o cartão vale-cultura)
Bilheteria: (41) 2118-5111 (de terça a sábado, das 12h às 20h. Domingo, das 16h às 19h)
Classificação etária: não recomendado para menores de 12 anos
Lotação máxima: 125 lugares (2 para cadeirantes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário