sexta-feira, 29 de maio de 2015

Músico uruguaio Daniel Drexler apresenta-se no Paiol



Nesta primeira semana de junho, Curitiba receberá o show do premiado músico uruguaio Daniel Drexler. O show, na próxima terça-feira (2), às 20h30, no Teatro do Paiol, marca o início da turnê do novo trabalho do artista, que reúne um livro, DVD e CD Digital. Com cinco CDs lançados e carreira internacional, Daniel Drexler possui premiações importantes, como o Prêmio Gardel, o mais disputado prêmio latino-americano de música. 
“Tres Tiempos” é sucessor do premiado CD “Mar Abierto" e traz as principais canções de seus últimos três CDs conceituais, em versões inéditas. Nas novas versões, somam-se à banda um duo de sopros e um trio de cordas. Passeando pelos ritmos platinos e o pop, “Tres Tiempos” inclui um DVD, gravado ao vivo em Buenos Aires, e um livro de ensaios sobre os seus três últimos CDs (Vacío, Micromundo e Mar Abierto), apresentando ao público todo o seu processo criativo.
O show em Curitiba contará com a participação especial da cantora curitibana Juliana Cortes que lançará seu segundo álbum “Gris” em outubro deste ano. Juliana Cortes e Daniel Drexler já estiveram no mesmo palco em dezembro de 2014 no show de lançamento do DVD do documentário “A Linha Fria do Horizonte”, do cineasta Luciano Coelho, do qual Daniel é um dos protagonistas.
            O músico - Cantor e compositor, Daniel Drexler gravou cinco CDs. Os dois primeiros, “La Llave en la Puerta” (1998) e “Full Time” (2001) foram editados em seu país. Com "Vacío" (2006), Daniel Drexler ultrapassou as fronteiras do Uruguai, com turnês e distribuição do CD na Argentina, Uruguai e Chile. Recebeu a indicação ao Prêmio Gardel 2007 de Melhor Disco Pop e desde então tem realizado importantes turnês na América Latina e Europa.
“Micromundo”, quarto disco de Daniel, foi editado na Espanha, Uruguai e pela primeira vez no Brasil. O CD recebeu destaque na imprensa espanhola e brasileira integrando a lista dos melhores CDs do ano nos dois países.
“Mar Abierto”, quinto CD do artista, foi concebido sob dois signos: o clássico disco Kind of Blue, de Miles Davis, as ideias do pensador polonês Zygmunt Bauman sobre a "modernidade líquida". O álbum teve distribuição na Argentina, Uruguai, Brasil e Canadá. Recebeu o Prêmio Gardel de Melhor Disco de Autor do Ano e integrou a lista dos melhores discos de 2013, segundo a crítica na Argentina, Uruguai, Espanha e Brasil. A turnê homônima percorreu mais de sete países em um ano e meio de duração e no Brasil foi apresentada em nove cidades no Sul, Sudeste e Nordeste.
Serviço:
Show “Tres Tiempos”, do uruguaio Daniel Drexler. Participação especial: Juliana Cortes
Local: Teatro do Paiol – Praça Guido Viaro, s/nº
Data e horário: 2 de junho de 2015 (terça-feira), às 20h30
Ingressos: R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia-entrada)

Nenhum comentário:

Postar um comentário