terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Polysom relança “Acabou Chorare” dos Novos Baianos





 


A coleção “Clássicos em Vinil”, da Polysom, relança esse mês um dos maiores discos da música nacional, “Acabou Chorare”, dos Novos Baianos, em vinil de 180 gramas e remasterizado a partir dos tapes originais. O álbum, lançado em 1972, é o segundo de estúdio do grupo formado por Baby Consuelo (vocal e percussão), Paulinho Boca de Cantor (vocal e percussão), Pepeu Gomes (guitarra, violão, craviola, arranjos), Moraes Moreira (vocal, violão, arranjos), Dadi Carvalho (baixo) e Jorginho Gomes (bateria, cavaquinho, bongô).


Lançado dois anos após o álbum “É Ferro na Boneca”, “Acabou Chorare” firmou os Novos Baianos na cena musical brasileira. O disco é composto por 10 músicas, oito da autoria dos Novos Baianos e novas versões para “Brasil Pandeiro”, de Assis Valente,  e  “Um Bilhete Pra Didi”, de Jorginho Gomes. Além dessas, estão no álbum alguns dos maiores sucessos do grupo: “Preta Pretinha”, “A Menina Dança”, “Mistério do Planeta”, “Acabou Chorare” e “Tinindo Trincando”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário