quinta-feira, 15 de novembro de 2012

MARCOS VALLE VEM A CURITIBA COM SHOW “ESTÁTICA”




Compositor de “Samba de Verão” mostra seu último disco e antigos sucessos no palco da CAIXA Cultural



A CAIXA Cultural apresenta, de 22 a 25 de novembro, o cantor, compositor, instrumentista e arranjador Marcos Valle. Um dos grandes nomes da MPB, ele assina mais de trezentas músicas gravadas por nomes como Elis Regina, Tim Maia, Sarah Vaughan, Chicago e Roberto Carlos, só para citar alguns.

Prestes a completar 50 anos de carreira, Marcos Valle vem a Curitiba com o show de seu último álbum, “Estática”. Fazem parte do repertório várias músicas inéditas, num leque de ritmos que passa pelo baião, samba, xote, maracatu, e se misturam aos norte-americanos funk, soul e jazz em muitos momentos.

Também ganham espaço grandes sucessos de sua carreira, como “Viola Enluarada”, “Samba de Verão”, “Eu Preciso Aprender a Ser Só”, “Mustang Cor de Sangue” e faixas instrumentais que estão no disco “Jet Samba”, CD que lhe rendeu o Prêmio TIM de Música Brasileira. Acompanhado pelos músicos Mazinho Ventura (contrabaixo), Renato Massa (bateria), Jessé Sadoc (sopros) e com Patrícia Alvi nos vocais, Marcos Valle faz um show repleto de swing e boa música, que já excursionou pela Europa e Estados Unidos e agora chega às principais cidades do Brasil.



Marcos Valle

“Você viu só que amor. Nunca vi coisa assim. E passou nem parou, mas olhou só pra mim”. Os versos de “Samba de Verão” foram lançados em 1964 e logo atingiram o topo das paradas internacionais. Com uma carioquice despretensiosa, a bossa falando de uma rápida troca de olhares colocou os compositores Marcos e Paulo Sérgio Valle no primeiro time da MPB. Só para ter uma ideia, “Samba de Verão” já tem mais de 500 versões – uma das músicas brasileiras mais regravadas no exterior, ao lado de “Garota de Ipanema”.

A partir de 1969, os irmãos Valle compuseram uma série de sucessos e muitas canções para novelas da TV Globo. Entre elas, um tema para comemorar as festas de fim de ano, “Hoje é um Novo Dia, de um Novo Tempo”, que a cada ano ganha uma nova versão.

Já nos anos 90, com a ajuda da cantora Joyce Moreno, ele começou a conquistar a Europa e a Ásia, com regravações e remixes de suas músicas embalando as pistas de dança nos dois continentes. O cinema também foi um novo passo na carreira do compositor, com sucessos incluídos nas trilhas sonoras dos filmes “Austin Powers” e “A Máfia no Divã”.

O CD “Jet Samba” (2005) foi o primeiro disco lançado por um selo brasileiro após dezenove anos, e o primeiro totalmente instrumental de Marcos Valle, que assinou toda a produção e também os arranjos. Seu último trabalho é o CD e DVD “Estática”, lançado em 2010.



Serviço:

Show “Estática”, com Marcos Valle

Local: CAIXA Cultural Curitiba – Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Curitiba (PR)

Data: 22 a 25 de novembro de 2012

Hora: De quinta a sábado às 20h e domingo às 19h

Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia – conforme legislação e correntista CAIXA)

Bilheteria: (41) 2118-5111 (de terça a sexta-feira das 12h às 20h, sábado das 16h às 20h e domingo das 16h às 19h)

Classificação etária: 14 anos

Lotação máxima: 125 lugares (2 para cadeirantes)

www.caixa.gov.br/caixacultural

Nenhum comentário:

Postar um comentário