terça-feira, 3 de julho de 2012

''A nova música brasileira nos 40 anos do Teatro Paiol''




A terceira edição do projeto Radar “A nova música brasileira nos 40 anos do Teatro Paiol” traz pela primeira vez a Curitiba, Pélico, o paulistano que iniciou sua carreira musical em 2006, gravando em 2008 seu primeiro disco: O último dia de um homem sem juízo. Esse primeiro trabalho é uma espécie de reconhecimento e deglutição de uma série de influências que formaram o músico. O CD foi apresentado em diversos shows no Brasil, em estados como São Paulo, Pará, Rio Grande do Sul e Paraná. Por meio desse trabalho, Pélico foi convidado a participar de uma homenagem a Raul Seixas, ao lado de Elza Soares e Marcelo Nova.

Em 2011, lança seu segundo disco: Que isso fique entre nós. Na linha evolutiva de sua linguagem musical, desenvolve outra perspectiva de pesquisa, a partir da incorporação de outros gêneros e instrumentos musicais. Se o disco anterior tinha um acento mais rock, fazendo ouvir mais a guitarra, acompanhada de um vocal mais exaltado, neste são convocadas outras sonoridades: tubas, fagotes, clarinetes, trompetes, trombones e outros instrumentos de sopro incomuns na música pop se prestam a dar corpo a canções tributárias de gêneros como o bolero, o tango e a valsa.


Dando esse salto estético em relação ao trabalho anterior e marcando o amadurecimento de sua estética, o resultado não poderia ser diferente: a crítica da grande imprensa e colegas de ofício saudaram com entusiasmo o CD. Veículos de imprensa respeitados como os jornais O Globo, do Rio de Janeiro, e O Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo, publicaram críticas elogiosas ao álbum, que saiu também em listas dos “melhores do ano” em órgãos especializados, como a prestigiada revista Rolling Stones. Nomes de peso, como o crítico musical Zuza Homem de Mello e o eterno tropicalista Tom Zé (que, a propósito, convidou Pélico para participar de seu mais recente disco), engrossaram a fila da recepção positiva do disco.
Baixe o disco aqui: http://pelico.com.br/

Recado - Pélico

O projeto ‘’Radar - A nova música brasileira nos 40 anos doTeatro Paiol’’ traz mensalmente á Curitiba artistas relacionados à música contemporânea brasileira que integrarão a programação dos 40 anos do Teatro Paiol. No total serão realizadas 09 edições de Radar, o projeto teve sua estréia em maio com a cantora Anelis Assumpção. O projeto é idealizado e realizado pela Verdura Produções Culturais e tem como principal objetivo a formação de público e o intercâmbio musical entre os artistas.

O projeto com com o apoio cultural da Fundação Cultural de Curitiba, Prefeitura de Curitiba, Lumen FM, Serra Verde Express, Jacobina Restaurante, Cia do Impresso, Simetria Grafica e Meio Fio Cultural, YáYó Produções.

       
Serviço:

O que?
Radar - A nova música brasileira nos 40 anos do teatro Paiol convida Lira.
Data: 13 de julho (Sexta-feira)
Onde: Teatro Paiol
Endereço: Praça Guido Viaro S/N
Horario: 20:30h
Telefone: 3213-1340
Ingressos: R$ 20,00 Estudantes, Professores, Idosos, Doadores de 1Kg de Alimento, Doadores de Sangue e Deficientes fisicos.
R$ 40,00 inteira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário